Estratégia Digital

O que é Marketing de Conteúdo ?

Marketing de Conteúdo

Marketing de Conteúdo é uma estratégia para atrair clientes e desenvolver relacionamento com eles por meio da criação de conteúdo relevante que tenham a ver com seu nicho de atuação. O Marketing de Conteúdo é um método de marketing que não faz promoção direta da marca, mas atrai o público-alvo ao trazer soluções para seus problemas e por falar de assuntos que sejam de interesse dessa pessoa.

Que o Marketing Digital deixou de ser uma tendência de mercado para se tornar um investimento indispensável para todas as empresas você já sabe, certo? Quem quer continuar relevante para seus clientes, precisa ter visibilidade online.

Por isso, o ponto hoje não é mais a necessidade de estar na internet, mas como se colocar nela para ganhar a atenção do público e se destacar em meio à concorrência, que já está lá.

Você precisa adotar as melhores e mais modernas estratégias de aquisição de clientes, como o Marketing de Conteúdo, que é usado e recomendado pelos maiores especialistas do mundo.

Marketing de Conteúdo é uma estratégia de Marketing focada em engajar seu público-alvo e crescer sua rede de clientes e potenciais clientes por meio da criação de conteúdo relevante e valioso. Você atrai, envolve e gera valor para as pessoas de modo a criar uma percepção positiva da sua marca e, assim, gerar mais negócios.

Primeiro, você precisa entender que foi-se aquele tempo em que éramos obrigados a assistir passivamente aos comerciais de TV. Hoje, o público possui mais poder do que nunca para escolher o conteúdo que quer consumir e como responder a ele.

Ao mesmo tempo, você tem o poder e o conhecimento para produzir exatamente o conteúdo que o seu público deseja.

Profissionais tradicionais têm dificuldade em parar de falar de seus produtos e focar no desejo do público, que é um conteúdo realmente útil para ele. E o bom conteúdo não é focado em vender, mas em trazer algum benefício para quem o lê, como resolver um problema, esclarecer uma dúvida ou ensinar algo. A venda é apenas uma consequência desse processo. Isso se chama “desenvolver um relacionamento com o cliente“. E na verdade essa é a grande dificuldade de muitas pessoas que não entendem de marketing. Elas se preocupam apenas em vender, vender e vender e acabam se tornando tão chatas quanto aqueles canais que passam propaganda o dia todo e ninguém assiste!

O conteúdo que você cria não é apenas útil, mas passa a mensagem certa ao público certo no momento que ele mais precisa! Você supera as expectativas provendo um conteúdo tão incrível que seu público vai querer compartilhá-lo com outras pessoas. Você gera engajamento no seu perfil, e o resultado disso é um maior número de pessoas sendo alcançadas por sua conta.

E falando em gatilho mental de reciprocidade… Como você ajudou seu público no momento em que ele precisava, o público passa a ter uma visão positiva sobre a sua marca. E as pessoas são mais propensas a fazer negócios com marcas que conhecem e gostam do que com marcas desconhecidas. O branding da sua marca se torna tão forte que o cliente nem vai pensar muito em descontos, ele só quer comprar de você pois confia no relacionamento que vocês desenvolveram através das mídias sociais.

Porém, é não é só ir postando qualquer coisa para atingir esse resultado… É necessário que haja uma estratégia por trás que identifique primeiro de tudo quem é o público alvo, quais os hábitos e gostos dessa pessoa na internet e fora dela e a partir daí começar a planejar um conteúdo que dê resultado. Pode-se inclusive combinar diversos formatos e plataformas para melhor distribuir esse material (por exemplo: vídeos num canal do Youtube, imagens na forma de post no Instagram, texto no Twitter ou num blog (!!!) enfim, existem muitas possibilidades para serem exploradas!

Uma vez que tudo isso já foi feito, o próximo passo é divulgar para garantir que todo esse conteúdo chegue até seu cliente, e para isso você pode optar pelo trafego pago ou orgânico. Hoje em dia ainda existem pessoas que relutam com a ideia de desembolsar dinheiro para ter um melhor resultado, mas se você tivesse uma obra de arte na sua casa o que faria mais sentido: fazer uma grande exposição com ela ou trancar num quartinho só para sua família ver? Ter todo esse trabalho preparando um conteúdo incrível tem que ser compensado por um grande número de pessoas sendo alcançadas. É claro que se você preferir pode permanecer apenas com o tráfego orgânico, existem diversas estratégias que funcionam também. Mas para quem busca resultados de uma maneira mais acelerada, investir no tráfego pago pode fazer uma grande diferença.

E aí, acabou? Não! Ainda temos uma última etapa: a análise de resultados. É muito importante analisar métricas e descobrir o que funcionou e o que não funcionou para reestruturar o conteúdo e adequar as estratégias. Aquilo que deu certo, vamos repetir e melhorar, o que não deu, é hora de analisar para ver se o problema foi o conteúdo, o design, a tipografia, a legenda…

Quando você faz algo que “agrada” o algoritmo do Instagram, por exemplo, ele vai mostrar seu post para mais e mais pessoas. E isso na verdade vai muito além do Instagram, podemos dizer que se aplica a todas as redes sociais. Se você tiver investindo em tráfego pago, mais pessoas verão seu post e você não pagará mais por isso. No caso do orgânico, você pode aparecer na aba “Explorar” que é uma das melhores maneiras de crescer sem gastar dinheiro algum. Por isso é importante fazer essa análise para ver o que funciona e o que não funciona para seu público alvo.

Marketing não é receita de bolo. Nem tudo que funciona para uma pessoa pode funcionar para seu perfil. Por isso mesmo que não é só ir copiando estratégias que você vê por aí, é preciso estudar cada caso e daí sim, difinir uma estratégia de conteúdo.